Por que senadores do PT votaram a favor da PEC dos Precatórios?

Por que senadores do PT votaram a favor da PEC dos Precatórios?

A PEC dos Precatórios foi aprovada com uma diferença de votos enorme tanto na Câmara dos Deputados como na Câmara dos Senadores.

Que os deputados do PSB (Partido Socialista Brasileiro), que apoia a candidatura Lula, ou os deputados do PDT de Ciro Gomes tenham apoiado a iniciativa do Governo Bolsonaro não espanta mais ninguém. 

Mas que senadores do PT tenham votado a favor da PEC dos Precatórios sem nem sequer ruborizar-se revela a profundidade da podridão do que é convencionado em denominar-se “esquerda”. O voto do senador Rogério Carvalho (PT/SE) foi fundamental para a aprovação.

Há muito cheiro a “balcão de negócios” espúrios, enquanto a inflação, a carestia da vida, a recessão industrial e o desemprego disparam às alturas.

No Senado, a aprovação foi muito apertada, por 34 a 32 votos; ou seja, o PT atuou abertamente a favor do Governo Bolsonaro. 

A crítica da Direção do PT ao voto do Carvalho não passa de palavras; nenhuma punição concreta e muito menos a expulsão do Partido, até porque ele somente exagerou um pouco a dose do que a própria direção do PT e Lula fazem.

Agora o Governo Bolsonaro não precisará pagar mais à vista às dívidas decorrentes das sentenças judiciais. Dessa maneira, liberará recursos para realizar manobras demagógicas no próximo ano eleitoral e assim aumentar a chance de reeleição e assim continuar avançando no sentido de massacrar o povo brasileiro a mando dos grandes capitalistas e do imperialismo. As três principais vias que contam com o apoio da burguesia cumprem esse mesmo papel.

A “frente ampla” com a direita, de Lula, e de Ciro Gomes, chega ao cúmulo de considerar o arqui-inimigo dos trabalhadores e do povo Geraldo Alckmin, ex-governador do Estado de São Paulo e membro da Opus Dei (extrema direita da Igreja Católica), como vice de Lula. A “frente ampla” representa um dos principais componentes da opressão do nosso povo.

Bolsonaro representa a extrema direita proto-fascista institucionalizada responsável por todo tipo de atropelos contra os trabalhadores brasileiros e a soberania nacional. Isso sem considerar que o bolsonarismo foi imposto no Brasil em 2018, e reforçado em 2020, por meio da maior fraude eleitoral em quase 100 anos.

Clique na matéria e veja os 26 pontos que levaram a vitória do Bolsonaro

Silenciosamente, quase de contrabando, avança a passos a candidatura da “terceira via” encabeçada pelo ex-juiz Sérgio Moro.

O movimento de massas se encontra semi paralisado por causa das direções das organizações de massas que se passaram com mala e cuia ao campo da burguesia e do imperialismo.

Mas os trabalhadores e o povo brasileiro encontrarão o caminho da luta. É o nosso papel impulsioná-lo e orientá-lo nesse sentido.

Levante ! Organize-se! Lute!
A hora de Lutar é Agora!

close

🕶 Fique por dentro!

Deixe o trabalho difícil para nós. Registe-se para receber as nossas últimas notícias directamente na sua caixa de correio.

Nunca lhe enviaremos spam ou partilharemos o seu endereço de email.
Saiba mais na nossa política de privacidade.

Artigos Relacionado

Deixe um comentário

Queremos convidá-lo a participar do nosso canal no Telegram

¿Sin tiempo para leer?

Ouça o podcast da

Gazeta Revolucionaria